Em comemoração a um roubo, a dupla decidiu escrever “parceiro do crime” na pele.

Tatuagem revela crime praticado por casal.
Que tal fazer uma tatuagem com confissão de crime? Muitos apaixonados tatuam os nomes dos parceiros como prova de amor, o que já não é lá a coisa mais indicada a se fazer, né? Mas praticar um delito e ainda fazer a confissão de crime perpetuada na pele, é para poucos.
Um casal inglês foi ainda mais longe na esquisitice. John Robert Cole e Shailee Jane Kigston cometeram um assalto em Ipswich, na Inglaterra.
Para comemorar o assalto, que lhes rendeu cerca de R$ 37 mil (11,6 mil libras), eles
resolveram fazer tatuagens. Cada um tatuou o nome do amado e logo abaixo, um maço
de dinheiro. Para finalizar a obra, estava escrito “Parceiro do crime”.
Os pombinhos, agora enjaulados, foram pegos porque Shailee abriu o bico nas redes sociais.
O fato é que a mãe da garota estranhou que ela estava se vangloriando de um crime que tinha cometido na internet. Sendo assim, ela chamou a polícia e denunciou a própria filha.
Assim que a polícia foi interrogar Shailee sobre a tatuagem, ela nem pestanejou e confessou
o crime que cometeu ao lado do namorado. Juntos eles foram condenados a 7 anos de prisão, 4 para ele e 3 para ela e as tatuagens resistirão ao tempo! Lindo, né? É… a gente sabe que não!
Fonte: R7
________________________________________________________________________________________